Tarrafal: PAICV pede mudança de poder para que o concelho possa desenvolver-se e realizar as suas potencialidades

Tarrafal, 27 Jan (Inforpress) – A presidente do PAICV pediu hoje aos tarrafalenses a mudarem o poder em Tarrafal para que o concelho possa conhecer novos desenvolvimentos e conseguir realizar as potencialidades que tem na agricultura, pesca e no turismo.

“A agricultura e a pesca são duas áreas fundamentais, mas que não têm tido nenhuma resposta, nem do Governo e nem da câmara. Tarrafal já tem 28 anos a ser liderado pelo mesmo partido, mas não tem conseguido dar nenhum salto para o seu desenvolvimento. É tempo de mudança no Tarrafal, é tempo do se povo dar oportunidade para se experimentar algo de novo, para que possa ver se finalmente Tarrafal vai desenvolver-se”, disse a líder do PAICV, Janira Hopffer Almada

A presidente do maior partido da oposição falava à imprensa, após uma visita ao município do Tarrafal de Santiago, onde esteve acompanhada de deputados nacionais e municipais e dirigentes locais e regionais daquele partido.

A visita, que a levou também este sábado ao concelho de São Salvador do Mundo, e que vai, igualmente, realizar nos próximos dias a vários municípios de Santiago Norte, serviu para auscultar os problemas dos pescadores e peixeiras, dos agricultores do perímetro do Colonato e dos moradores do “Casa para Todos”.

Conforme lembrou, durante os 15 anos da governação do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) , foram feitos “grandes investimentos” no Tarrafal, em estrada asfaltada, liceu de Chão Bom, Centro de Saúde e no Colonato, para aumentar a área irrigada, na electrificação, no saneamento e em habitação “Casa para Todos”.

Apesar do seu partido ter criado as condições, segundo ela, a edilidade tarrafalense não aproveitou desses investimentos para desenvolver àquele município do interior de Santiago, isto porque, no seu entender, não teve “visão, ambição e vontade” para tal.

Entretanto, informou que o poder local tem feito gestão corrente na perspectiva de permanecer no poder e com uma rede “clientelar de manter a dependência das pessoas relativamente à Câmara”.

Na ocasião, recordou ainda que o seu partido deixou um projecto para construção de uma barragem no Tarrafal, mas que o actual Governo “não teve nem a capacidade que avançar com os projectos herdados”.

Aludindo às queixas dos pescadores e peixeiras, Janira Hopffer Almada afirmou que “este Governo não tem nem condições para fornecer painel solar para fazer funcionar uma máquina de gelo e uma câmara frigorífica para ajudar os pescadores e peixeiras desse concelho”,

“Este Governo abandonou completamente os agricultores”, afirmou, referindo-se às queixas de falta de água por parte dos agricultores do perímetro agrícola do Colonato.

“Se há mais recursos, onde é que estão a ir e quem estão a recebê-los, porque não estão a chegar às pessoas no terreno e não estão a servir o Tarrafal e os tarrafalenses”, vincou a líder do PAICV.

Fonte: Inforpress