Cabo Verde viveu tempos fatídicos e a Independência foi a solução para esses tempos – Pedro Pires

O acto central das celebrações do Dia dos Heróis Nacionais, assinalado a 20 de Janeiro, promovida pela Fundação Amílcar Cabral (FAC), em parceria com a Câmara Municipal, teve este ano lugar na ilha do Sal.

Cabo Verde viveu tempos fatídicos e a Independência foi a solução para esses tempos – Pedro Pires
Pedro Pires, combatente da Liberdade da Pátria, antigo primeiro-ministro e ex-Presidente da República recordou hoje, na ilha do Sal, no acto celebrativo do Dia dos Heróis Nacionais, que Cabo Verde viveu tempos fatídicos e que a Independência foi a solução para esses tempos.

O acto central das celebrações do Dia dos Heróis Nacionais, assinalado a 20 de Janeiro, promovida pela Fundação Amílcar Cabral (FAC), em parceria com a Câmara Municipal, teve este ano lugar na ilha do Sal, onde desde o início do mês vinham sendo realizadas um leque de actividades desportivas e culturais, para marcar a efeméride.

Os festejos culminaram hoje com uma solenidade no Salão Nobre dos Paços do Concelho presidido pelo comandante Pedro Pires e o presidente da Câmara Municipal, Júlio Lopes.

O momento foi reservado ainda para uma dissertação sobre “O papel histórico da ilha do Sal nos processos de libertação da África do Sul, Angola e Namíbia”, proferida pelo combatente e ex-ministro dos Negócios Estrangeiros, Silvino da Luz.

Na sua intervenção, e perante lembranças da época que conduziram à libertação do país, Pedro Pires destacou as orientações de Amílcar Cabral, face à realização dos sonhos para o processo de desenvolvimento de Cabo Verde.

“Não nos afirmamos imitando os outros. Nós somos o que somos. Aí a grande lição de Amílcar Cabral”, disse Pedro Pires para quem este acto convida a lembrança dessa figura “ilustre” da nossa história, um homem “extraordinário”.

Fonte: ANação