Santo Antão: PAICV exorta Governo a apoiar agricultores no Planalto Leste afectados pelo incêndio de 2018

Porto Novo, 08 Out (Inforpress) – Os apoios prometidos pelo Governo aos agricultores no Planalto Leste, Santo Antão, afectados pelo incêndio florestal de Julho de 2018, tardam a chegar, para o “desalento” dos camponeses, informou a Comissão Política Regional do PAICV, oposição, nesta ilha.

O presidente da Comissão Política Regional do PAICV em Santo Antão, Saturnino Baptista, exorta, por isso, o Executivo a assumir “os compromissos” com esses agricultores, aquando do incêndio de grandes proporções, que destruiu dez hectares de terrenos agrícolas, nesse planalto.

O líder do PAICV em Santo Antão lembra que o Governo prometeu, no quadro do plano de recuperação da floresta, apoiar os agricultores afectados pelas chamas, apoios que, a seu ver, “tardam a chegar”.

Arlindo Lopes, um dos afectados, confirmou que os agricultares, sobretudo das zonas de Morro de Vento, Curral da Russa e Escovadinha não receberam, até agora, “qualquer apoio” do Governo.

O MAA está, nesta altura, a implementar o plano de recuperação da zona ardida, orçado em 30 mil contos, com a realização de acções a nível de conservação de solos e água, reposição das plantas destruídas, limpeza da floresta, de entre outras.

Fonte: Inforpress