Problemas no Cais de Pesca da Praia “persistem” e sem intervenções para melhoria das condições de trabalho – PAICV

Cidade da Praia, 05 Fev (Inforpress) – A deputada do PAICV (oposição) Paula Moeda afirmou hoje que os problemas no Cais de Pesca da Praia “persistem” e que não houve nenhuma intervenção para melhorar as condições de trabalho dos pescadores e peixeiras.

A constatação foi feita em declarações à Inforpress depois de uma visita do Grupo Parlamentar do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) àquela infra-estrutura portuária, para assinalar o Dia Nacional do Pescador, que se comemora hoje, 05 de Fevereiro.

De acordo com a deputada, os constrangimentos continuam por o Cais de Pesca continuar ainda apertado com o amontoar dos barcos devido à falta de um ancoradouro e o não alargamento da infra-estrutura.

Paula Moeda apontou ainda a falta de condições de trabalho para as peixeiras, uma vez que, conforme constatou, não existem mercados para a segunda e terceira venda.

“Foi prometido um mercado para segunda e terceira venda, desde Ulisses Correia e Silva passando por Óscar Santos, e não cumpriram”, denunciou a deputada, considerando que os pescadores e peixeiras merecem outro tratamento.

Isto porque, segundo a deputada do maior partido da oposição, participam “grandemente” para o crescimento da economia cabo-verdiana.

“Portanto, há uma insatisfação muito grande no seio das vendedeiras, principalmente a nível de taxas, mas felizmente a nova equipa camarária, liderada pelo PAICV, está a dar sinais com as medidas tomadas”, notou.

Neste Dia do Pescador, a deputada propôs o alargamento de um Cais de Pesca para o atrancamento, a criação de espaços para guardar redes e outros equipamentos, assim como intervenções para criar melhores condições de trabalho.

Fonte: Inforpress