PAICV faz avaliação “extremamente positiva” dos 100 dias de José Maria Neves na Presidência – dirigente

Cidade da Praia, 15 Fev (Inforpress) – O dirigente do PAICV Walter Évora disse hoje que o seu partido faz uma “avaliação extremamente positiva” dos primeiros 100 dias do mandato do Presidente da República, José Maria Neves.

“Ele [José Maria Neves] tem sido um Presidente muito activo, presente e com um forte sentido de Estado, promovendo o diálogo entre as diversas instituições”, afirmou o membro da Comissão Política do Partido Africano da Independência de Cabo Verde.

Walter Évora fez essas considerações ao ser instado pela Inforpress a pronunciar-se sobre os primeiros 100 dias do mandato do Presidente José Maria Neves, que tomou posse no dia 09 de Novembro de 2021.

Para o PAICV, partido que apoiou a candidatura de José Maria Neves, este tem mantido um “diálogo permanente” com o Governo, “apoiando-o nas questões essenciais do País”, mas também alertando sobre questões que devem ser melhoradas.

“Nestes primeiros 100 dias, tem tido uma forte agenda a nível internacional e nacional, tem participado activamente nas actividades dos municípios”, frisou o dirigente do partido da estrela negra, destacando a deslocação do novel Presidente a vários países africanos.

Na sua perspectiva, este desempenho de José Maria Neves tem correspondido às expectativas do PAICV.

“Nunca tivemos dúvidas em relação às qualidades e capacidades do Dr. José Maria Neves, que apoiamos, enquanto candidato”, admitiu Walter Évora, realçando que o Presidente da República tem demonstrado que está acima dos partidos políticos e das quezílias políticas.

Segundo ele, Neves tem promovido o diálogo interpartidário e citou o exemplo do Orçamento de Estado para 2022, em que, salientou, teve um “papel essencial” em aproximar as posições dos partidos políticos com assento parlamentar no sentido de se aprovar “questões importantes” do OE que precisavam de maioria alargada no Parlamento.

“O PAICV está bastante satisfeito pela aposta que fez [no José Maria Neves] e temos um Presidente da República à altura das necessidades do País”, pontuou Walter Évora.

Relativamente ao diploma sobre a garantia do fundo soberano para investimento privado que o Presidente devolveu ao Parlamento, Walter Évora entende que “não há nenhum drama sobre isto” e que José Maria Neves já promulgou um conjunto de outros diplomas, mostrando um “grande sentido de Estado”.

De acordo com o dirigente do PAICV, o problema do País tem estado no centro das preocupações do Presidente da República que está preocupado, juntamente com as demais autoridades, na busca de soluções.

“Estamos convencidos de que com este Presidente da República teremos estabilidade política em Cabo Verde”, concluiu, acrescentando que o PAICV espera que José Maria Neves continue com a mesma postura e dinâmica que já mostrou até agora.

O novo Presidente da República, investido nestas funções no dia 09 de Novembro de 2021, prometeu uma atenção especial à criação de condições para a estabilidade e o bem-estar das famílias em Cabo Verde.

LC/HF

Fonte: Inforpress