Morre Dom Paulino Évora — 33º bispo, 1º do Cabo Verde independente

Cabo Verde está de Luto, com destaque para a comunidade católica. É que Dom Paulino do Livramento Évora faleceu, este domingo, segundo anunciou — “com profunda dor mas com muita esperança” — a Diocese de Santiago, de que foi Bispo de 1975 a 2009.

Morre Dom Paulino Évora — 33º bispo, 1º do Cabo Verde independente
O seu corpo vai estar em câmara-ardente na Igreja pró-catedral da Praia, a partir das 17 H de terça-feira, 18. Já a Missa exequial está prevista às 10H de quarta-feira, 19, a preceder o cortejo fúnebre para o cemitério da Várzea.

Paulino do Livramento Évora nasceu em São Nicolau em 22 de junho de 1931 e veio a ser o primeiro a ocupar a cátedra episcopal no país independente.

É também o 33º a chefiar o Bispado de Santiago, nos 486 anos desde a sua fundação, em 31 de janeiro de 1533, pelo Papa Clemente VII, sob a designação ’Diocesis Sancti Iacobi Capitis Viridis’ — que abrangia todo o arquipélago de Cabo Verde e a Guiné-Bissau.

O legado do Dom Paulino à história de Cabo Verde vai, decerto, ser objeto da serena avaliação da ciência histórica. Que descanse em paz.

Programa das exéquias

Velório no convento das Irmãs Franciscanas, na Achada Santo António até terça-feira, 18, às 16H.
Câmara-ardente na Igreja pró-catedral a partir das 17 H de terça-feira, 18, com celebração da Oração Vespertina e a Missa de Sufrágio às 18H15.
Missa exequial às 10H de quarta-feira, 19, a preceder o cortejo fúnebre para o cemitério da Várzea.

Fonte: Asemana