Autárquicas 2020/São Vicente: Candidato do PAICV promete apostar na governança municipal, coesão social, habitação e cooperação

Mindelo, 02 Out (Inforpress) – A candidatura do PAICV à Câmara Municipal de São Vicente, liderada por Albertino Graça, propõe como pilares da sua plataforma eleitoral a governança municipal, a coesão social, a aposta na habitação e nas relações externas e cooperação.

Em declarações à Inforpress, o candidato explicou que o primeiro pilar da sua plataforma é a Governança, que estará assente na transparência, equidade, prestação de contas e responsabilidade corporativa.

Segundo Albertino Graça, no quesito urbanismo, habitação e sustentabilidade, pretende defender “o património construído”, apostar na “reabilitação urbana”, e construir “jardins, creches e centros de dia”, substituir as casas de lata e degradadas e construir moradias sociais e “reestruturar e reforçar” o gabinete técnico.

Na coesão social propõe dar atenção à juventude, idosos, e famílias, criar um centro de Acolhimento de Emergência e Integração social e um Fundo de Solidariedade Social, Empreendedorismo e Inovação para combater a pobreza e o desemprego.

Na cultura quer informatizar a Biblioteca Municipal, melhorar as condições do acervo, instituir o Prémio Internacional Claridade, definir apoios para o Carnaval, o Festival da Baía das Gatas e o Cavala Fresk, entre outros eventos.

Na Economia e Emprego pretende “captar investimento nacional e estrangeiro”, apoiar projectos que “alargam o mercado de trabalho” e os que promovem “mão-de-obra rural e feminina”.

Nas relações externas, cooperação e comunidade pretende que o Governo seja “o melhor parceiro CMSV”, trabalhar com as câmaras de Santo Antão e São Nicolau, na “estratégia de integração regional” e explorar a cooperação internacional descentralizada.

Para além de Albertino Graça (PAICV), concorrem ao cargo de presidente da Câmara Municipal de São Vicente Augusto Neves (MpD), António Monteiro (UCID) e Nelson Lopes (Movimento Más Soncent).

Em São Vicente, para as eleições do dia 25 de Outubro, estão inscritos nos cadernos de recenseamento 53.106 eleitores.

Fonte: Inforpress