Autárquicas 2020/Mosteiros: PAICV planeia novas perspectivas do desenvolvimento do município junto dos jovens

Mosteiros, 13 Out. (Inforpress) – A candidatura do PAICV, liderada por Fábio Vieira, na corrida à autarquia dos Mosteiros, no escrutínio de 25 de Outubro, almeja lançar novas perspectivas do desenvolvimento do município nas questões da inclusão social, económica e política dos jovens.

Ao sexto dia da campanha, dedicado ao contacto directo com os eleitores de Queimada Guincho e Feijoal, o proponente da candidatura “Mosteiros a nossa Prioridade”, promete fomentar “uma política social forte, no sentido de permitir que as famílias tenham acesso a rendimentos”, visando a realização da “felicidade plena e materialização do projecto de vida e sonho do munícipe”.

Já o membro da lista do PAICV às autárquicas Nelson Pires reforçou que assim como idealizado em todos os sectores, a plataforma da candidatura do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) defende um conjunto de propostas que visa a promoção do “território com identidade e que seja atractivo pela cultura”.

Daí, avançou a promessa de um programa cultural para o município que passa pela criação de um gabinete de apoio aos criadores a ser denominado “GabiCultura” pois que se pretende trabalhar a cultura de uma forma integrada, isto é, apostada tanto na promoção da identidade local, assim como uma fonte de rendimento das indústrias criativas.

Trabalhar a cultura com o turismo, explicitou o candidato a vereador, que enalteceu uma proposta para a criação do Museu do Povo, que, o mesmo considerou ser um outro projecto “importante” no campo cultural para a promoção desta identidade local, associada à reconstrução da história do município, através das suas personalidades ligadas à cultura, desporto, política de entre figuras populares.

A onda amarela, que não tem poupado esforços em contactar o eleitorado de norte a sul do município, por entre cidades, ribeiras, achadas e cutelos, propõe, igualmente, a promoção do género tradicional Talaia Baixo como um produto cultural local/nacional visando a sua elevação a Património Municipal e Nacional.

As festas populares, referiu Pires, vão ser trabalhadas para afigurar-se como cartões de visitas do concelho marcado por uma forte vivência das festas de santos e genuínas, de entre uma panóplia de actividades viradas para a promoção do município.

Nas eleições de 2016, concorreram três candidatos no concelho dos Mosteiros, tendo o MpD (Isidoro Gomes) alcançado 1.995 votos (43,36%), o PAICV (Carlos Fernandinho Teixeira) 2.482 votos (53,94%), e o AMI (Pedro Centeio Gonçalves) 53 votos (1,15%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro estão inscritos nos cadernos eleitorais um total de 6.608 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 6.151, dos quais 4.601 votaram).

Para além da candidatura do PAICV, liderada por Fábio Vieira, está na corrida a Câmara Municipal dos Mosteiros Lourenço Lopes, do MpD.

A nível nacional participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

Fonte: Inforpress