Autárquicas 2020/Fogo: Fábio Vieira (PAICV) ambiciona fazer dos Mosteiros um dos municípios mais atractivo e sustentável do País

Cidade da Praia, 03 Out (Inforpress) – Transformar Mosteiros num dos municípios mais atractivo, inclusivo, próspero, democrático e sustentável do país é a pretensão do candidato do PAICV, Fábio Vieira à presidência deste concelho nas autárquicas de 25 de Outubro, idealizada numa aposta de continuidade.

Sob o lema “Mosteiros, a nossa prioridade”, a candidatura liderada por Fábio Vieira almeja criar “mais oportunidade para todos, sobretudo a juventude”, no quadro de uma plataforma eleitoral que assenta em cinco grandes pilares considerados estratégicos.

Agricultura, pecuária, pesca e ambiente foram eleitas como sectores estratégicos, visando alavancar o desenvolvimento social e económico dos Mosteiros, ao passo que a cidadania local é referenciada por Vieira com o propósito da promoção da administração local, visando descentralizar os serviços da autarquia, apostada numa governação para as pessoas.

O pilar da juventude constitui outras das preocupações desta candidatura que propõe a implementação de um conjunto de políticas públicas nos mais diversos domínios, com o intuito de promover a inclusão social, económica, política e cultural dos jovens mosteirenses.

A diáspora, segundo Fábio Vieira, prontifica-se como um eixo virado para “um novo paradigma de relacionamento”, por considerar que a diáspora continua a ser um dos principais activos de desenvolvimento do concelho, razão pela qual promete criar um gabinete do emigrante e instalar uma agência municipal.

A candidatura que leva como slogan “Musteru, Nôs Bilida D’odjo”, ambiciona “continuar a implementar políticas públicas” por forma a criar condições para que o turismo científico, sustentável e agroturismo contribua para o desenvolvimento económico do concelho.

Nas últimas eleições autárquicas de 04 de Setembro de 2016, as sétimas realizadas em Cabo Verde, concorreram três candidatos no concelho dos Mosteiros, tendo o MpD (Isidoro Gomes) alcançado 1.995 dos votos (43,36%), o PAICV (Carlos Fernandinho Teixeira) 2.482 dos votos (53,94%), e o AMI (Pedro Centeio Gonçalves) 53 votos (1,15%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro estão inscritos nos cadernos eleitorais, provisoriamente, um total de 6.690 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 6.151, dos quais 4.601 votaram).

Fonte: Inforpress