Autárquicas 2020/Boa Vista: PAICV alerta para problema habitacional e aumento do perímetro do bairro da Boa Esperança

Sal Rei, 12 Out (Inforpress) – O candidato do PAICV alertou hoje para o problema habitacional no bairro da Boa Esperança, a necessidade de se evitar o aumento do perímetro de barracas e de casas degradadas, e de criar condições para as pessoas viverem condignamente.

Este alerta foi dado por Cláudio Mendonça, que durante a visita ao bairro da Boa Esperança disse que existe naquela zona da cidade ainda fogos ou espaços habitacionais degradantes que não são para convivência e merecem melhoria.

“No bairro o maior problema é a habitação social, onde há ainda barracas. A questão da necessidade da devida legalização dos fogos habitacionais para poderem ter acesso a água, electricidade”, alertou o candidato, defendendo “um programa forte de habitação social na ilha, para permitir acabar com tudo o que é barraca na Boa Vista, dando às pessoas melhores condições de vida.

O candidato advertiu ainda sobre o perigo do aumento do perímetro destes tipos de casas, reiterou, sem condições de habitabilidade, fazendo com que o bairro cresça sem as mínimas condições de infra-estruturas e sociais.

“A 100 metros do bairro encontramos pocilgas e pessoas a morar próximo da pocilga, sem condições de habitação reais. São situações que temos que acabar com elas, até por questões de saúde pública. Há que se criar condições para criar pocilgas comunitárias, e temos que identificar espaços para os mesmos, dando às pessoas condições para os seus sustentos, mas também para criar os animais num lugar condizente”.

E é neste sentido que Cláudio Mendonça avançou que, na sua governação autárquica vai focar em melhorar condições de habitabilidade das pessoas, e criar estruturas físicas de cariz sociais, desportivas na cidade permitindo ter maior encontro e comunhão em termos de povos e residentes em Sal Rei.

Concorrem à presidência da Câmara Municipal da Boa Vista no escrutínio do dia 25 de Outubro, José Luís Santos, na lista do MpD, que concorre à sua própria sucessão, e o candidato Cláudio Mendonça, na lista do PAICV, enquanto que o Partido Popular apresentou uma lista somente para a Assembleia Municipal, encabeçada pelo cidadão de origem italiana, Sérgio Corrá.

Nas eleições de 2016, neste município, concorreram três candidatos, José Luís Santos (Basta), que conquistou a câmara com 57,56% dos votos, José Pinto Almeida (MpD) 30,60%, e José Henrique Cruz (PAICV) 10,32%.

Para as eleições do dia 25 de Outubro, na Boa Vista estão inscritos 8.180 eleitores, (em 2016 o número de inscritos era de 6.826, dos quais 4.340 votaram).

A nível nacional participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista, e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

Fonte: Inforpress