Autárquicas 2020/Boa Vista: Cláudio Mendonça diz que centros de juventude têm modelos de gestão antiquados

Sal Rei, 19 Out (Inforpress) – A candidatura do PAICV diz que os centros de juventude têm “modelos de gestão antiquados” e que a população da Boa Vista clama por estruturas juvenis que satisfazem as reais necessidades desta camada social.

Em jeito de denúncia, à Inforpres, o candidato Cláudio Mendonça afirmou hoje que tem constatado que em todas as localidades tanto as estruturas municipais, como os centros de juventude “estão ineficientes, e com um desempenho aquém do desejado”.

“As populações locais defendem que os centros de juventude têm que ter um modelo de gestão diferente, até porque o modelo antigo já não satisfaz as reais necessidades dos espaços e da própria juventude, em cada localidade”, afirmou o candidato.

A mesma fonte asseverou, se arriscando a dizer que estes espaços criados para servir a juventude “estão mortos”, e que, “praticamente há somente as estruturas físicas, com inexistência de acções, intercâmbios e actividades juvenis”.

“Há pouca acção em termos daquilo que é a essência da criação de cada estrutura”, defendeu Cláudio Mendonça, analisando ainda que “não se pode ter uma estrutura física que demarca do seu objectivo”.

Pelo que, sublinhou, “os respectivos espaços e a juventude de cada localidade carecem de actividades, devido à falta de coordenação, programação clara no sector da juventude para a ilha”.

“A nossa perspectiva é investir fortemente na juventude, desde o ensino secundário e superior, formação técnico superior e profissional”, concretizou, acrescentando que a intenção é ainda despertar nos mais novos o gosto por acções de intercâmbio, para criação de actividades de rendimento, como na agricultura, à cultura.

Nas autárquicas de 2016, na ilha da Boa Vista concorreram três candidatos, José Luís Santos (Basta), que alcançou 57,56 por cento (%) dos votos, José Pinto Almeida (MpD), que obteve 30,60 % dos votos e José Henrique Cruz (PAICV), com 10,32 % dos votos.

Para as eleições do dia 25 de Outubro, na Boa Vista, estão inscritos 8.180 eleitores, 34 mesas de voto. Em 2016 o número de inscritos era de 6.826, dos quais 4.340 votaram.

Dois candidatos concorrem para a presidência da Câmara Municipal da Boa Vista no escrutínio do dia 25 de Outubro, sendo José Luís Santos (MpD), que concorre à sua própria sucessão, e o candidato Cláudio Mendonça (PAICV). O Partido Popular apresentou uma lista somente para a assembleia municipal, encabeçada pelo cidadão de origem italiana, Sérgio Corrá.

A nível nacional, na corrida para as autárquicas de 25 de Outubro participa um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para a Assembleia Municipal da Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), de São Domingos (1), do Tarrafal de São Nicolau (1), do Sal (1) do Tarrafal de Santiago (2), da Praia (4) e de São Vicente (1).

Fonte: Inforpress